Alagoas Maior otimiza fluxo de trabalho de produtores do Vale da Pelada

Equipamentos foram entregues para valorizar preço de venda e inserção em novos mercados

Alagoas Maior otimiza fluxo de trabalho de produtores do Vale da Pelada

Equipamentos foram entregues para valorizar preço de venda e inserção em novos mercados

Por Ascom Sedetur | Edição do dia 12 de março de 2021
Categoria: Economia, Notícias | Tags: ,,


Associação dos Mini Produtores do Vale da Pelada recebeu 200 caixas de fruta e 60 caixas d’água de 1000 litros para otimizar produção. (Foto: Jonathan Lins/Ascom Sedetur)

O Alagoas Maior atua junto aos grupos produtivos para otimizar seu produto, desde a produção até a entrega para comercialização. Com este intuito, o programa- uma parceria entre a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) e o Sebrae Alagoas- entregou à Associação dos Mini Produtores do Vale da Pelada equipamentos de trabalho que otimizam o processo de colheita e transporte.

Ao todo, a Associação recebeu 200 caixas de fruta e 60 caixas d’água de mil litros, onde será realizada a limpeza das bananas colhidas, sanando a limitação sentida pelos associados. A região é a que mais produz bananas no estado e o grupo entrega, em média, 60 toneladas por mês das variedades prata e cumprida.

“Nós tínhamos uma grande dificuldade durante o transporte das nossas frutas. Fazíamos a colheita e tínhamos que carregar no lombo do burro até o local para fazer a limpeza, o que fazia com que ela ficasse com marcas de pancada e desvalorizasse o preço. Com essa entrega, cada família associada receberá duas caixas d’água e conseguirá fazer a limpeza dentro da propriedade e depois já colocá-las nas caixas de fruta para transportar. Nós só temos como agradecer ao Governo”, explica Josué Isidorio, presidente da Associação.

O grupo é composto por 30 famílias que vivem da comercialização das bananas para programas de governo e em feiras livres, sendo mais de 120 beneficiados com a produção do Vale da Pelada. A ideia é que a otimização faça com que o produto possa chegar ao potencial comprador sem marcas, ter seu preço valorizado e possa ser vendido em supermercados.

“É muito bom ver o quanto nós podemos ajudar esses pequenos produtores a solucionar problemas dentro dos seus negócios e, às vezes, de forma simples. E é importante que todos saibam que em Alagoas há produtos de muita qualidade e que os supermercados podem comprar dentro do estado, sem precisar buscar fora. Assim, todos saem ganhando. O que nós queremos é dar meios para que eles possam crescer e mudar a vida dessas famílias, garantindo a geração de emprego e renda no nosso estado”, salienta Rafael Brito, secretário do Desenvolvimento Econômico e Turismo.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados