Acusados de matar universitária em Marechal Deodoro são condenados

Réus irão cumprir pena de 26 anos de prisão por homicídio qualificado e ocultação de cadáver

Acusados de matar universitária em Marechal Deodoro são condenados

Réus irão cumprir pena de 26 anos de prisão por homicídio qualificado e ocultação de cadáver

Por | Edição do dia 21 de novembro de 2018
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags: ,,,,


Os réus Luciano Lúcio Teixeira e Isael Dias dos Santos foram condenados pela morte da estudante universitária Lilianne da Silva Cirino, ocorrida em agosto de 2015, no município de Marechal Deodoro. O primeiro acusado deverá cumprir 21 anos e 4 meses de reclusão por homicídio qualificado. Já o segundo, recebeu a pena de 26 anos de prisão por homicídio qualificado, estupro e ocultação de cadáver.

O julgamento fez parte das ações do Mês Nacional do Júri e foi conduzido pela juíza Juliana Batistela. A magistrada manteve a prisão preventiva dos acusados, “a fim de se garantir a ordem pública e considerando ainda o quantum da reprimenda imposta aos mesmos”.

A sessão, iniciada na manhã de terça-feira (20), terminou na madrugada desta quarta (21), por volta de 1h30.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados