4ª Parte: Do simples hábito de caminhar para as disputas de maratonas

Por | Edição do dia 25 de janeiro de 2019
Categoria: Esportes | Tags:


ASSINATURA MARCELO

Sexta-feira, dia 25. Terceiro dia de treinamento de Jodenilson Leobino. A reportagem do site O Dia Mais traz nesta matéria mais um trabalho desenvolvido pelo estudante de Educação Física que iniciou sua rotina de prática de corridas após iniciar com uma simples caminhada visando a uma vida mais saudável. O treino desta sexta, 25, é no ritmo intenso, fazendo o percurso sem intervalos para mudança na forma de correr.

Como Jodenilson Leobino já disse em entrevista e explicou em vídeos feitos por ele mesmo como são feitos seus treinamentos diários, nesta etapa de exercícios há uma intensificação no ritmo. A cada treino, o estudante de Educação Física percebia que seu corpo estava sentindo a necessidade de aumentar a carga de treinamento. “O aumento da carga de treinamento veio de forma natural. Comecei a aumentar a distância. Depois dei início a marcação de tempo. Neste quesito de tempo, comecei a buscar sempre diminuir o tempo da distância percorrida. E percebi que no ano passado, eu estava em um nível muito diferente de quando iniciei depois da caminhada”, disse Jodenilson Leobino.

METAS ALCANÇADAS – Das metas estabelecidas e alcançadas, como diminuição de tempo, aumento de WhatsApp Image 2019-01-25 at 08.13.20quilometragem, ele resolveu traças outros objetivos: participar de corridas de rua. “Para se ter uma ideia, a corrida me fez estabelecer metas para mim como atleta amador, que busca uma vida saudável, como também na vida familiar e profissional”, disse.

MARATONAS – Das corridas de rua de 5 km, começou a buscar novos desafios. Já possui no currículo a participação na Volta da Lagoa 52km. “Nesta prova da Volta da Lagoa de cinquenta e dois quilômetros eu fiz dupla com um colega e ficamos em terceiro lugar no geral”, disse. Ele participou da Maratona Internacional de Porto Alegre-RS, com o percurso de 42:195km, onde terminou a prova em 3h35; a Ultra Maratona, que foi da Barra de Santo Antônio a Barra de São Miguel, 81km, acabou em 3º no quarteto geral.

“Participei ainda da Meia Maratona da Acquativ com vinte e um quilômetro. Nesta fiquei em terceiro colocado na minha faixa. E corri também na Maratona Internacional que aconteceu em Recife. Fechei a prova com três horas e quarenta minutos”, disse.

Apesar do desempenho, Jodenilson Leobino descarta qualquer possibilidade de tentar correr profissionalmente, buscando fazer um desempenho de um atleta de elite. “Não quero ser um profissional mais sim de viajar pra outros lugares só para participar mesmo e competir comigo mesmo. A corrida me fez realizar esse sonho, antes de dois mil e quatorze. Nunca tinha saído nem para Aracaju, meu objetivo é conhecer todo o Brasil correndo maratonas”, disse. .

Ao todo, ele anotou que no ano passado participou de dez provas de corridas. Ele avisa que participar de provas que exigem um esforço físico e um poder de concentração. “Me senti mal no final de numa meia maratona, no Rio de Janeiro, em dois mil e dezesseis. A largada foi nove horas da manhã e o clima tava muito quente. O sol estava escaldante.  Na maratona de POA, passei mal na chegada muito frio, mais as duas horas e trinta minutos voltei ao  normal”, disse.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados