30% das pessoas escolhem parceiros de acordo com seus gostos para séries, diz estudo

30% das pessoas escolhem parceiros de acordo com seus gostos para séries, diz estudo

Por | Edição do dia 20 de julho de 2016
Categoria: Cinema, Diversão | Tags: ,,,


Você já evitou ir em um encontro com alguém só por causa dos gostos televisivos dele ou dela?

Se você não sabia, prepare-se: o que você assiste e seus hábitos televisivos podem impactar até mesmo a sua vida amorosa. Você assiste a Jessica Jones e a moça odeia séries de heróis mas ama Unbreakable Kimmy Schmidt? Ele gosta de How To Get Away With Murder e você só assiste a séries de fantasia como Game of Thrones? Que pena para vocês. Segundo um recente estudo, cerca de 30% das pessoas entre 25 e 49 anos não namoraria alguém que tivesse preferências televisivas diferentes.

Para promover a websérie Glued, a empresa Propeller Insights, à pedido da operadora norte-americana Xfinity, entrevistou 1935 adultos entre 25 e 49 anos, sobre sua interação em relação à televisão. O levantamento foi divulgado, originalmente, no The Wrap.

Você é o que você come assiste

329071.jpg-c_620_260_x-f_jpg-q_x-xxyxx

A pesquisa indicou que a premissa é verdadeira: 43% dos solteiros da Geração Y (também chamada de Millennials) julgam as pessoas baseado nas séries e programas de TV que elas gostam.

Além disso, esses mesmo 43% foram a um encontro por causa da preferência de TV do possível parceiro. Entretanto, 28% dos solteiros afirmaram não ir a um encontro de acordo com os gostos televisivos de alguém.

O amor está no ar

494833.jpg-c_620_260_x-f_jpg-q_x-xxyxx

Ainda que o seu programa de TV favorito possa afastar algum potencial flerte, ele pode trazer um parceiro para mais perto. De acordo com 66% dos casais entrevistados, assistir a TV juntos fortaleceu sua relação. Para os casais da Geração Y (nascidos dos anos 80 até meados dos anos 90), esse número cresce para 75%.

Segundo o estudo, parceiros que assistem televisão por mais de 5 horas por semana juntos, se abraçam e se acariciam mais. Sem contar que ver uma série juntinho com seu amor gera piadas internas que só vocês sabem, como comprovaram 74% dos entrevistados.

Além disso, quase metade dos cônjuges preferem ficar em casa e assistir a seu programa favorito ao invés de sair. E 55% dos entrevistados colocam seus filhos pequenos para dormir antes ou depois para poder ver uma série juntos.

O lado ruim

006557.jpg-c_620_260_x-f_jpg-q_x-xxyxx

O levantamento também indicou que os hábitos televisivos podem gerar a famosa DR (Discussão de Relacionamento)! 50% dos casais admitiram terem “traído” o parceiro, ao assistir a uma série sem ele ou ela, mesmo tendo combinado de ver junto.

Nesse cenário, cônjuges da geração são mais propensos a sentir culpa por isso e a admitirem para o parceiro que fizeram isso. Pelo menos, né!

Clique com o botão direito na imagem para ver o infográfico maior:

122682.jpg-c_520_690_x-f_jpg-q_x-xxyxx

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados