29 arapiraquenses revezarão a Tocha Olímpica

29 arapiraquenses revezarão a Tocha Olímpica

Por | Edição do dia 17 de maio de 2016
Categoria: Esportes, Outros Esportes | Tags: ,


322149

Tocha olímpica passará por Arapiraca (Foto: internet)

Cerca de 12 mil revezadores irão escrever seus nomes na história dos Jogos Rio 2016. Destas, vinte e nove pessoas marcarão, especialmente, as páginas de Arapiraca ao percorrem suas ruas com a Tocha Olímpica nas mãos, alçadas ao sabor de momento que reúne mais de 200 países.

A representação arapiraquense perpassa pelas mais diversas áreas de atuação profissional, social, atlética, cultural, como também contempla as distintas fases da vida. A diversidade que envolve o maior evento esportivo do mundo é também o ingrediente principal entre os 29 revezadores da Tocha em Arapiraca.

Ao longo de pouco mais de 6km, distribuídos em 13 ruas da cidade, erguerão a Chama Olímpica:

Adirlan Messias da Silva, Bruna Kethlen Alves Olivense, Cleyton da Silva Lima, Douglas Henrique Bezerra Santos, Ericka Luise Schinke, formada em pedagogia e administração, atualmente é presidente da associação filantrópica Casa da Amizade; o advogado Higor Rafaell Oliveira, Jadson Barros dos Santos, professor de Educação Física reconhecido por sua obstinação na luta pelo acesso ao ensino público superior; José Nascimento de Lima, o “Professor Zezinho”, que já foi atleta, técnico e presidente do clube de futebol Agremiação Sportiva Arapiraquense (ASA); Luis Felipe Alves, o jovem “DJ Cara de Sorte” portador de hidrocefalia, mas, sobretudo, protagonista de uma grande história de superação e luta pelo direito à acessibilidade.

IMG_16141-1024x683

Arapiraquenses que erguerão a chama olímpica (Foto: assessoria)

Na lista constam ainda Maxwell Lucio Barbosa, que após ser acometido por um câncer na medula óssea em 2010 passou a dedicar sua vida a prestar serviços de informação para pessoas com a mesma doença; Mery Vania Agustinho da Silva, Paula Pelague M. C. Leão, licenciada em Pedagogia, realiza um trabalho voluntário na Escola de Circo do Município de Arapiraca com crianças autistas; Raniery Terto, Regis Cledson Firmino da Silva, atleta de destaque estadual na categoria triátlon; Ricardo Feitosa, Roberto Silva Oliveira Junior, Rubens Pessoa de Barros, biólogo e Mestre em Agroecossistema.

Além de Sônia Gouveia, para-atleta olímpica, ganhadora de 28 medalhas em torneios brasileiros, sul-americanos e mundiais, marca que a torna a melhor atleta do Brasil nas três modalidades desportivas e Teófanes Antônio Leite da Silveira, o Palhaço Biribinha, considerado Patrimônio Vivo da Cultura Alagoana e Mestre das Artes Circenses com mais de 50 anos de carreira, herança da tradicional família de circo do Nordeste brasileiro, a “Família Silveira”; além de outros nomes a serem divulgados.

Para saudá-los no dia 29 de maio, um corredor humano será formado por estudantes das redes municipal, estadual, federal e particular de ensino, em todo o trajeto da Tocha Olímpica, além dos demais moradores da cidade e região.

A largada

Acesa no final de abril na Cidade de Olímpia, na Grécia, a Tocha chegou ao Brasil no dia 03 de maio, em Brasília, onde iniciou o percurso de 20 mil quilômetros por todas as regiões do país. Mais de 300 cidades, ao final, terão recebido a Tocha Olímpica, que tem como destino final o estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, no dia 5 de agosto. Neste dia, a pira será enfim inflamada durante a Cerimônia de Abertura dos Jogos.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados