Policiais deliberam sexta (13) sobre proposta do Governo feita no TJ

Policiais deliberam sexta (13) sobre proposta do Governo feita no TJ

Por | Edição do dia 11 de maio de 2016
Categoria: Alagoas, Artigos, Notícias | Tags: ,,,,


Foto: assessoria

Foto: assessoria

O Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol) e o Governo do Estado voltaram a discutir possível desfecho para a greve da categoria, nesta quarta-feira (11). O Sindicato mantém a greve e só vai deliberar sobre as propostas do Governo em assembleia na sexta-feira (13).

O encontro aconteceu em audiência de conciliação no Tribunal de Justiça, designada pelo desembargador Alcides Gusmão, relator do processo em que o Estado sustenta a ilegalidade da paralisação. Conforme regra do Novo Código de Processo Civil, a audiência não teve a participação do desembargador e foi conduzida pelo conciliador Flávio Dantas.

O Secretário de Planejamento do Estado, Christian Teixeira, explicou que as propostas do Governo são a disponibilização de uma cota mensal de R$ 300 mil para pagamento das progressões já efetivadas e a conclusão da implantação das progressões ainda pendentes até dezembro. O reajuste do piso da categoria só seria discutido a partir de agosto.

“Mesmo enfrentando essa crise financeira que o Estado e o Brasil vivencia nesse momento, o governador (Renan Filho) está comprometido em encontrar soluções para que possa fazer a reposição geral dos servidores”, disse, ressaltando ainda que em outros Estados do País  está ocorrendo inclusive atraso de pagamento dos salários.

O presidente do Sindpol, Josimar Melo repassou o resultado da audiência para os policiais, que estavam reunidos na Praça Deodoro, em frente do Tribunal, mas entendeu que não era possível deliberar sobre assunto de imediato. “O próximo passo é reunir a categoria para analisar a proposta”, disse. A assembleia da categoria não tem horário e local definidos.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados