Bom Dia!, Segunda-Feira - 23 de Julho de 2018

 

Suspeito de atentado contra sargento se entrega à polícia

7Segundos / 4:03 - 16/04/2018

Sargente foi baleado no começo do mês, no bairro do Jacintinho


Suspeito de participar de atendado contra sargento se entrega à polícia (Reprodução/ Internet)

Suspeito de participar de atendado contra sargento se entrega à polícia
(Reprodução/ Internet)

Nesta segunda-feira (16), o terceiro suspeito de participar do atentado contra o sargento Francisco Chagas Ribeiro Reis, no último dia 09, se apresentou a polícia. O homem, identificado como Anderson Feitosa da Silva, conhecido como “Guara Mix”, de 20 anos, esteve no 9º Distrito Policial (9º DP), no Jacintinho e confessou envolvimento no crime.

Na delegacia, segundo a polícia, Anderson Feitosa da Silva relatou que um homem, tratado apenas como “Cristiano”, foi responsável por alugar o carro, um Renault Logan vermelho, que foi utilizado para cometer assaltos e localizado horas depois do crime, em Rio Largo. A polícia solicitou a prisão preventiva de Anderson Feitosa da Silva, que foi liberado após o depoimento.

O sargento Francisco Chagas está fora de perigo. Ele teria sido reconhecido como militar pelos bandidos e por isso, teria recebido os disparos.

Mais suspeitos

Um jovem identificado como Renato Felipe de Lima Pereira, de 18 anos, foi morto após receber a guarnição pertencente ao Batalhão de Polícia de Guarda (BPGd) a bala. Os militares revidaram a ação e balearam o suspeito. Ferido, o jovem foi socorrido para Hospital Geral do Estado (HGE), no bairro do Trapiche da Barra, com vida, minutos depois veio a óbito.

Outro suspeito, identificado como Dário Mendes, estava internado HGE com três ferimentos causados por arma de fogo, um na barriga e um em cada perna, mas já teve alta e será ouvido pela polícia.


Comentar usando