Jogador sueco é expulso por soltar gases em campo

/ 5:32 - 24/06/2016


Um lance tanto quanto inusitado marcou uma partida de futebol na Suécia nesta sexta-feira. O lateral Adam Lindim Ljungkvist, do Pershagens SK, recebeu um segundo cartão amarelo e foi expulso de campo pelo árbitro Dany Kako. O motivo: soltar gases, o popular “pum”.

Adam Lindim Ljungkvist, do Pershagens SK, foi acusado de “provocação deliberada” pelo árbitro (Foto: Reprodução/Twitter)

“Percebi como uma provocação deliberada. Ele o fez de propósito e era inapropriado. Por isso, recebeu um cartão amarelo”, explicou Kako após o jogo, no qual o Pershagens enfrentou os reservas do Järna SK.

Vítima da expulsão bizarra, Ljungkvist disse ter presenciado “a coisa mais estranha no futebol”, e se defendeu, em entrevista ao jornal local Länstidningen Södertälje: “Eu estava mal do estômago, então simplesmente deixei sair. Então, recebi um cartão amarelo e logo o vermelho. Me surpreendi”.

Ljungkvist acrescentou: “Perguntei ao árbitro: ‘Não é mais permitido soltar pum?’ ‘Não’, ele respondeu. Não entendo, mas talvez ele tenha pensado que fiz uma flatulência com a mão e lhe provoquei. Mas não o fiz”.

Kristoffer Linde, atacante da equipe adversária, confirmou ter ouvido os gases de Ljungkvist. “Eu estava a uma boa distância dele, mas ouvi o pum alto e em bom som. É a coisa mais estranha que eu já vi em um campo, e eu jogo futebol desde os oito anos de idade”, comentou.

 

Gazetaesportiva


Comentar usando