Bom Dia!, Quarta-Feira - 19 de Setembro de 2018

 

Instituto do Meio Ambiente realiza fiscalização na APA Costa dos Corais

Agência Alagoas / 4:57 - 08/01/2018

Operação acontece em parceria com o Ibama, ICMBio e BPA e flagrou sete infrações durante final de semana


O Instituto do Meio Ambiente do Estado de Alagoas (IMA/AL), junto com Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis (Ibama), Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e Batalhão de Polícia Ambiental (BPA), flagraram sete infrações ambientais durante ação na Área de Proteção Ambiental (APA) Costa dos Corais, nas últimas sexta-feira e sábado (05 e 06).

Na última sexta-feira (05) os fiscais do IMA/AL estiveram na Praia da Laje, em Porto de Pedras, e lavraram três autos de infração por construção irregular em vegetação de restinga, no valor de R$ 5.000,00 (cinco mil) cada.

Além disso, os técnicos do Instituto flagraram uma motocicleta em faixa de areia, sendo realizada a apreensão do veículo automotor e multa no valor de R$ 1.250,00 para o proprietário.

No sábado (06), houve outros três flagrantes de automotores trafegando em faixa de areia nas praias de Antunes e Peroba, no município de Maragogi, ocasionando em autos de infração no valor de R$ 1.250 mil cada e apreensão dos veículos, sendo estabelecido os proprietários como fiéis depositários dos mesmos.

Toda a região costeira compreendida entre os municípios de Paripueira e Maragogi está inserida na APA Costa dos Corais. Conforme o Decreto Federal s/n, de 23 de outubro de 1997, é proibida a circulação de veículos na faixa de areia.

Segundo Pollyana Gomes, gerente de monitoramento e fiscalização, essa é a primeira fase da operação, que deve ter continuidade no mês de fevereiro em decorrência da quantidade de denúncias recebidas nos quatro órgãos participantes e da chegada do verão.

A ação dos órgãos ambientais ocorre para inibir atividades degradantes ao meio ambiente na APA. A primeira operação começou no dia 03 e segue até o dia 14 de janeiro monitorando a região e atendendo denúncias.


Comentar usando