, Segunda-Feira - 23 de Abril de 2018

 

Grupos de Economia Solidária expõem durante o mês de junho

Assessoria / 11:48 - 31/05/2016


Com a proximidade dos festejos juninos, os grupos de Economia Solidária, atendidos pela Secretaria Municipal de Trabalho, Abastecimento e Economia Solidária (Semtabes), estarão expondo seus empreendimentos no Maceió Shopping, localizado no bairro de Mangabeiras. A exposição iniciou na segunda (30) e se estenderá por todo o mês de junho.

Quem passar pelo shopping poderá encontrar peças como bolsas, artigos de decoupage, colares, chaveiros, ímãs, fantoches, caixas decoradas, itens de cozinha personalizados, luvas para contação de histórias infantis, pesos de porta, almofadas, artigos de crochê como biquínis, saídas de praia, tiaras, lenços, trilhos de mesa e outros. As peças e valores são diversos e vão de R$3,00 a R$ 100 a depender do produto.

Foto: assessoria

Foto: assessoria

A nova integrante do grupo Artesãos Guerreiros da Arte, Ana Maria Soares, fala como se sente ao participar pela primeira vez de uma exposição no shopping. “Faz uma semana que eu entrei nesse grupo, me senti bem recebida e já comecei com o pé direito. Como nós não temos um lugar fixo para vender nossas peças, esse apoio da Prefeitura é importante. Com essa exposição não só eu, o grupo que faço parte e eu, teremos a oportunidade de ficar visíveis para um número grande de pessoas”, comemora.

A aposentada Maria José Porangaba, 82, estava no shopping e aproveitou para a visitar o espaço. Ela elogiou a iniciativa. “Esse momento que essas mulheres estão tendo aqui é muito significante para o trabalho delas. É um espaço que pode ser privilegiado e valorizado por qualquer pessoa que esteja circulando no shopping, essas mulheres estão de parabéns, o trabalho está maravilhoso. Eu faço tricô e sei o quanto é delicado, requer tempo e dedicação”, disse.

Economia Solidária

A Economia Solidária representa um novo modelo de organização da produção e da comercialização de empreendimentos coletivos, é uma boa oportunidade de inclusão social e uma boa alternativa para geração de trabalho.

“Essas artesãs enxergaram nos grupos uma maneira de melhorar a condição e a qualidade de vida. Nós da Semtabes trabalhamos para apoiá-las com ações desse tipo. Essas exposições nos shoppings, por exemplo, permitem que elas aumentem não só a renda, mas também a rede de contatos, o que é muito importante para o desenvolvimento do trabalho delas”, destaca o titular da pasta, Jurandir Boia.

Os resultados dessas exposições têm sido positivos. Quem relata são as próprias participantes. É o caso de Joseane Costa, participante do grupo Tempo de Renovar. “Já faço parte desse grupo há quatro anos. Participei de outras exposições e posso dizer que é realmente muito bom para nossas vendas. O shopping termina sendo uma vitrine para o nosso trabalho, é uma forma de os grupos ganharem reconhecimento. Às vezes as pessoas não compram as peças aqui com a gente, mas pedem nossos cartões e fazem encomendas posteriormente para festinhas de escola, decoração e peças personalizadas”, resume Joseane.

Maria Madalena Brito, participante do grupo Rendeiras Unidas do Pontal, também testemunha o sucesso da iniciativa.“Essa é minha terceira exposição e hoje mesmo consegui fazer uma encomenda de trilhos de mesa, almofada, tiaras e porta moedas para entregar na quinta”, destaca a rendeira.

A cada semana, os grupos serão revezados como uma forma de garantir a oportunidade a todos os atendidos pela Semtabes. Aqueles que tiverem o interesse de conferir a produção dos grupos no Maceió Shopping, a exposição está localizada no 2° piso, próximo à loja de roupas Marisa e funcionará das 10h às 22h.


Comentar usando