, Sábado - 22 de Setembro de 2018

 

Greve geral: ônibus param na próxima semana

Redação / 3:31 - 28/07/2017

Posição dos empresários “provocou” trabalhadores e rodízio de ônibus circulando não vai mais acontecer


A reunião que seria de conciliação na Prefeitura de Maceió, na manhã desta sexta-feira (28), acirrou ainda mais os ânimos entre rodoviários e empresários. O Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário de Alagoas (Sinttro-AL) resolveu parar todos os veículos na cidade a partir de terça (01), e não mais fazer o rodízio de greve, após os empresários diminuírem ainda mais o percentual de reajuste salarial a ser concedido.

O Sinttro já chegou à reunião com a proposta de greve aprovada pelos 5000 funcionários das quatro empresas que atual na capital – Veleiro, São Francisco, Real Alagoas e Cidade de Maceió (Piedade) – e disposto a diminuir o pedido de reajuste de 15% para 8%. Contudo, diante das empresas mudarem sua proposta de concessão de 3,5% para 2,56%, o clima esquentou.

A proposta de greve que seria em sistema de rodízio, com duas empresas parando e duas circulando a cada dia, evoluiu para greve geral por tempo indeterminado até mudança de postura dos empresários.

Maceió conta com cerca de 650 veículos para atender 200 mil pessoas no transporte coletivo, sendo o único meio de transporte oficial que cobre a cidade como um todo.


Comentar usando