Boa Noite!, Terça-Feira - 23 de Outubro de 2018

 

Fracassa protesto contra retorno de prefeito em Mata Grande

Redação / 3:36 - 30/04/2018


(Foto: Cortesia)

(Foto: Cortesia)

Menos de cem pessoas estiveram à frente da Prefeitura Municipal de Mata Grande na manhã desta segunda-feira (30), para o “grande protesto” puxado pelo vice-prefeito Franklin Lou (PP) e aliados – entre eles, a Família Brandão. O protesto seria contra a volta de Erivaldo Mandu (PP) ao cargo de prefeito, mesmo que este ato tenha sido determinado pelo Pleno do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL).

O objetivo era “mobilizar grande parte da população” de Mata Grande para pedir a volta de Lou ao cargo, uma demanda ilegal, uma vez que representaria desobedecer uma decisão judicial. Erivaldo Mandu, prefeito devidamente eleito, estava afastado do cargo desde o final de 2017 e deve ter recondução imediata.

Curiosamente, aqueles à frente da mobilização em prol de Franklin Lou são vários de seus servidores comissionados e até alguns ex-secretários municipais. Entre eles, estariam o ex-prefeito do município, Hélio Brandão; uma ex-secretária da Educação; um repórter e um locutor de eventos, todos ligado à Família Brandão.

Parte da população que preferiu ficar ao lado da lei, com a determinação do TJ para recondução de Mandu, lembrou ainda que a Família Brandão está às voltas com a inclusão dos “Irmão Metralha do Sertão”, Júlio e Jacob Brandão, na lista de procurados da Interpol devido a um desvio de R$ 12 milhões da Prefeitura de Mata Grande.


Comentar usando