Boa Noite!, Domingo - 21 de Outubro de 2018

 

Estudantes desenvolvem aplicativo sobre a história de Alagoas

Agência Alagoas / 10:22 - 04/01/2018

Iniciativa é dos alunos do curso técnico em informática da Escola Estadual José Aprígio Vilela, de Teotônio Vilela


Estudantes da rede estadual de Teotônio Vilela encontraram uma forma dinâmica e interativa de aprender a história de Alagoas. Os alunos do curso técnico em informática da Escola Estadual de Ensino Integral José Aprígio Brandão Vilela (EJAV) criaram um aplicativo de perguntas e respostas sobre a história de Alagoas – o Quiz Alagoas – onde é possível conhecer a história do Estado por meio de um jogo.

Desenvolvido pelos estudantes da 2ª série do ensino médio Wallysson Rodrigues dos Santos, Ana Carolina Lopes Ferreira, Alessandro Gomes dos Santos, Rodrigo Tenório de Oliveira, Ane Caroline da Silva Fagundes e Erika de Araujo, Carlos dos Santos, o aplicativo foi criado especialmente para apresentação em um projeto da escola – os Projetos Integradores (PI) – no mês de novembro e chamou tanta atenção que voltou a ser exibido durante as festividades de emancipação de Teotônio Vilela, no início de dezembro.

“O PI tinha como tema os 200 anos de Alagoas e, por isso, nós decidimos encontrar uma forma diferente de contar a história do Estado. Daí surgiu o aplicativo, onde, a cada fase superada, você aprende um pouco mais sobre Alagoas”, conta Wallysson Rodrigues, um dos estudantes que desenvolveram o projeto.

1e0bd4f001eafd0a3d192e62b5822160_L

Como funciona

O quiz é composto por nove fases, cada uma com um determinado tema: História de Alagoas, Cidades de Alagoas, Conhecendo Alagoas, Cultura de Alagoas, Imagens de Alagoas, Nomes Importantes, Alagoas e suas Belezas, História Política de Alagoas e Tecnologia e Esportes.

“São dez questões por fase, totalizando 90 questões. Para avançar à próxima fase, é preciso acertar, no mínimo, cinco questões. Ou seja, quanto mais você joga, mais aprende”, explica o professor Geraldo Pereira.

A estudante Ana Carolina Lopes, que também integra a equipe de desenvolvedores, diz que o grupo levou quase três meses trabalhando no projeto. “Nosso objetivo era levar conhecimento sobre Alagoas para outros jovens, mas nós também aprendemos muito em nossas pesquisas”, frisa a garota.

A diretora da EJAV, Leda Regina dos Santos, ressalta com orgulho a iniciativa. “Além de mostrar a tecnologia existente na escola pública alagoana, projetos como este incentivam o protagonismo juvenil, pois tudo foi desenvolvido a partir de ideias dos nossos alunos. Este aplicativo foi uma grata surpresa para nossa escola”, comemora Leda.

No momento, o aplicativo está disponível apenas na plataforma Android, mas a meta do grupo é expandi-lo também para as plataformas IOS e Windows, acrescentando também novas questões.

Outros aplicativos

Este não é o primeiro aplicativo desenvolvido por alunos da rede estadual. No primeiro semestre, estudantes da Escola Estadual Dom Constantino Luers, em Campo Alegre, criaram o APPeritivos, ferramenta que orienta e estimula o usuário a adotar hábitos alimentares mais saudáveis e combater o sedentarismo com dicas de exercícios. Por meio do aplicativo, é possível saber as calorias, os malefícios e benefícios de cada alimento.

Já os estudantes do ensino integral da Escola Estadual Senador Rui Palmeira (Premen), em Arapiraca, criaram o aplicativo “Minha Escola”, onde é possível acompanhar todas as notícias e informações relativas à instituição de ensino de forma interativa e dinâmica.


Comentar usando