Empresários de ônibus não abrem mão da passagem a R$ 4,02

Deraldo Francisco / 1:07 - 11/01/2018


Até o final do mês, os usuários de transporte coletivo por ônibus devem ter uma nova tarifa, fato que não está agradando aos usuários. As discussões apontam que o valor da passagem ficará perto dos R$ 4,00. Hoje, os empresários do setor querem a tarifa a R$ 4,02, mas o Município já adiantou que não será possível ficar nesse valor. Aliás, não pega bem para a gestão municipal aumentar a passagem de ônibus em ano de eleição.

Nesta manhã, o advogado Fernando Paiva – que representa os empresários do setor – disse em coletiva de imprensa que não acredita na possibilidade de cálculos verdadeiros que apontem para uma “adequação” menor que 15% no valor das passagens de ônibus em Maceió.

Falando pelos empresários, Fernando Paiva, disse que o setor amarga uma grande perda de passageiros – devido à clandestinidade –, sofre com o aumento no preço dos combustíveis, aumento do plano de saúde dos rodoviários bem como do salário da categoria. Mas a argumentação maior do setor diz respeito à perda de usuários.

Conforme Fernando Paiva, a expectativa para 2017 era de sete milhões de usuários, mas que, na verdade, foram contabilizadas apenas, 5,8 milhões. “Isso representa uma perda de quatro milhões de reais para o setor”, comentou o advogado.

Ele acredita que, ainda esta semana, as partes interessadas no processo devem se sentar para buscar um consenso. Muito embora, ele acredita que “não há como tratar o assunto sem se falar na casa dos 15% apresentados pelos empresários de ônibus”.


Comentar usando