Boa Tarde!, Quarta-Feira - 19 de Setembro de 2018

 

Assassinato de vereador em Batalha pode ter relação com morte de Neguinho Boiadeiro

Redação com assessoria / 10:42 - 16/12/2017

Crime aconteceu na noite desta sexta; Tony Pretinho sofreu 20 disparos na porta de sua casa


 

A polícia civil de Alagoas tem uma linha de investigação para o assassinato de Tony Carlos de Medeiros, mais conhecido por “Tony Pretinho”, ocorrido na noite desta sexta-feira (15), em Batalha. Há grandes possibilidades de este crime ter relação com o assassinato de Neguinho Boiadeiro ocorrido no mês passado também em Batalha. Tony Pretinho é suspeito de ter alertado à polícia sobre o fato de Emanuel Boiadeiro andar fortemente armado pelas cidades do sertão, morto em um suposto confronto com a polícia a alguns meses. A família Boiadeiro tinha Tony pretinho como a pessoa que delatou Emanuel.  

Na noite desta sexta-feira (15) por volta das 21h, Tony Pretinho foi morto na porta de casa, em Batalha com 20 tiros de pistola 9mm e um de espingarda 12. Os criminosos chegaram ao local em um veículo gol geração cinco de cor preta.  

Tony Foi surpreendido pelos disparos quando estava encostado na traseira de um carro conversando com um eleitor. O primeiro disparo de dentro do carro. Em seguida o atirador, que estava de calça e camisa de manga cumprida e uma camisa amarada ao rosto desceu do carro e fez os outros disparados. Logo depois voltou ao veículo pegou a espingarda 12 e fez mais um disparo. Tony pretinho morreu na hora.  Após os disparos, os criminosos fugiram em direção a uma estrada de barro que leva a Arapiraca. 

Diante do fato, o delegado-geral da Polícia Civil, Paulo Cerqueira resolveu designar uma comissão de delegados para investigar o caso.  A comissão será composta pelos delegados João Marcelo, regional de Santana do Ipanema, Fábio Costa, coordenador da Delegacia de Homicídios da Capital, e Eduardo Mero.

O delegado-geral  determinou que a comissão iniciasse o trabalho investigativo imediatamente.


Comentar usando