Arthur Maia receberá homenagem com seu nome em campo no Benedito Bentes

/ 3:58 - 16/01/2017


Arthur Maia tinha 24 anos e atuava como meia

Arthur Maia atuava como meia

Thiago Luiz – Colaborador Especial O Dia Mais

 

Foi publicada hoje (16) no Diário Oficial do Município de Maceió, a Lei nº 6.595, que nomeia Arthur Brasiliano Maia o campo de futebol do conjunto Parque dos Caetés, no Benedito Bentes. De autoria do vereador Eduardo Canuto, busca prestar homenagem ao jogador.

Arthur Maia, como é mais conhecido, foi uma das vítimas fatais no vôo da Chapecoense, acidente que, por muito tempo, foi notícia mundial. O alagoano nascido no Vergel iniciou carreira no CSA, onde foi descoberto. Fruto das categorias de base do Vitória da Bahia, teve passagens profissionais por Vitória, Flamengo, Chapecoense, Joinville, América-RN e Kawasaki Frontale, do Japão.

“Ele foi um grande jogador e tinha um futuro brilhante, além de ser um alagoano que tão bem nos representou lá fora. Portanto, nada mais justo do que render a esse jovem morto na tragédia, que abalou o Brasil e o mundo, essa singela homenagem”, disse o vereador, autor da lei, através de suas redes sociais.

Arthur tinha 24 anos e estava emprestado pelo Vitória à Chape, até o fim de 2016. O clube catarinense viajava para Medellín, onde seria disputada a primeira partida da final da Copa Sul-Americana, contra o Atlético Nacional (COL). O avião que transportava o time de Chapecó caiu, por falta de combustível, matando 71 pessoas e deixando apenas seis sobreviventes.


Comentar usando